Nossa homenagem

Quem pensa que é fácil manter um clube com mais de 700 sócios e um público diário de mais de 500 pessoas está muito enganado. Um dos motivos do sucesso de toda a organização do Canto do Rio se deve ao corpo de funcionários que se dedica ao máximo para manter o Cantusca um local agradável e aconchegante, e nesse 1° de maio, não podíamos deixar de homenageá-los.

Nossa equipe forte tem ao todo 27 colaboradores distribuídos nas áreas de manutenção, apoio, serviços gerais e administrativo. Vamos conhecer um pouco da história de três dos mais antigos e entender porque o Cantusca é tão querido por todos, inclusive por seus funcionários.

Alenilço Nascimento de Araújo, de 71 anos, é um exemplo claro dessa relação de amizade. O chefe da secretaria está há 45 anos no clube e mesmo aposentado, nem pensa em abrir mão do trabalho. Ele conta que acompanhou muitas mudanças no Cantusca, inclusive a construção do Ginásio Auxiliar e da Sede Social .

“Acompanhei muitas mudanças no clube. Cheguei no Canto do Rio por intermédio de um amigo meu que trabalhava aqui. Comecei como carimbador e hoje chefio meu setor. O Canto do Rio é meu segundo lar”, revelou.

João Batista Siqueira, 74 anos, tem um pouco menos de tempo no Cantusca – 29 anos. O auxiliar de serviços gerais que trabalha na rouparia do clube vem acompanhando de perto o desenvolvimento dos meninos que aqui chegam pra treinar.

“Cheguei no clube junto com o time que ia disputar o Niteroiense. Criei minhas filhas e me aposentei aqui. Adoro esse clube. Faço o que gosto. Tudo que tenho conquistei aqui. Meu relacionamento com todos os jogadores sempre foi muito bom”, afirmou.

Maria Liete dos Santos Ferro, 68 anos, tem uma relação antiga com o Canto do Rio. Funcionária há 40 anos, foi admitida após seu marido ser contratado como zelador. “Consegui assinar minha carteira, estudei, fiz meu segundo grau técnico e me aposentei aqui”, contou a colaboradora.

Agradecemos o apoio de todo o nosso quadro de funcionários. Sem vocês, o Cantusca com certeza não seria o mesmo.